CLICK HERE FOR BLOGGER TEMPLATES AND MYSPACE LAYOUTS »

SINO DO VENTO

Nº DE ACESSOS DESDE 22/11/2010

contador de visitas

NEFERTITI

NEFERTITI

Amigos Caminhantes

POSTAGENS RECENTES

KYPHI PARA ILUMINAR OS SONHOS

KYPHI PARA ILUMINAR OS SONHOS
incenso egípcio

ASFALTO DAS HORAS RECEBEU O SELO DA VEJABLOG - OS MELHORES BLOGS DO BRASIL

ASFALTO DAS HORAS FAZ PARTE DOS MELHORES BLOGS CULTURAIS

http://meublogtemconteudo.blogspot.com/
Obrigada por visitar e comentar as postagens

CADASTRE-SE E RECEBA AS ATUALIZAÇÕES NO SEU E-MAIL

Seu e-mail:

Delivered by FeedBurner

26 de março de 2016

MOMENTOS DE PAZ


Uma ave desperta no colo da manhã
desliza nas pétalas do silêncio
e  pousa
no fio de minha contemplação.
Minha mente enche-se de ideias
e o novo dia
entope de palavras a minha boca.
Livro-me
das teias enganosas da vida humana
 tento colocar no semblante
 uma moldura de paz.
Depois
elevo os pensamentos
 alcanço a ventura
 de momentos tranquilos
e sem intenções 
sem trapaças
sem velas
faço pequena viagem
projetando a consciência
num campo de flores amarelas...



Shirley Brunelli Crestana

48 COMENTE AQUI:

✿ chica disse...

Que lindo! Desejo que tenhas muitos momentos de paz e que a Páscoa seja linda! bjs, chica

Ricardo- águialivre disse...

Poste lindo
.
Nesta quadra festiva em que a família se reúne, mais que não seja em pensamento, venho desejar uma PÁSCOA MUITO FELIZ, onde o amor e a fraternidade sejam as amêndoas presentes.

Deixo uma amêndoa doce

Cidália Ferreira disse...

Maravilhosa postagem!

Páscoa Feliz, extensivo aos familiares
Beijo

Coisas de Uma Vida 172

Anderson Lopes disse...

Desses momentos em que lembramos que a vida tem seu lado sublime.

Anderson Lopes disse...

Desses momentos em que lembramos que a vida tem seu lado sublime.

Evanir disse...

Que, na Páscoa, nossa fé seja revigorada pela certeza
de que Cristo ressuscitou e está entre nós!
Deus habite em seu interior constante podendo fazer de
sua vida tempo de alegria.
Feliz Páscoa.
A você e toda sua família .
Um excelente final de semana
beijos .
Evanir...

ReltiH disse...

UN MENSAJE PRECIOSO!!!!
ABRAZOS

Jorge disse...

Que beleza este post...Quem tem talento alma poética, só pode ter um blogue extraordinário!

Beijinho, Shirley

Maria Teresa Valente disse...

Muito lindo o poema, Shirley!
Que a paz seja constante, em seu imenso campo de flores amarelas!
Tenha um feliz e abençoado final de semana, boa Páscoa...
Abraços carinhosos
Maria Teresa

Carmen Lúcia.Prazer de Escrever disse...

Um belo momento de Paz!
Bjs Shirley e uma Feliz Páscoa.
Carmen Lúcia.

POESIAS SENSUAIS E CONTOS disse...

Bela inspirado da vida em versos. Parabéns

lua singular disse...

Linda Postagem metafórica.
Adoro metáforas e metonímias.
Estou dodói, vou fazer cirurgia nos 2 pés. Ninguém merece.
Desejo a você e sua família, filhos casados se tiver uma linda Páscoa e não deixe de ler minha postagem de amanhã no Lua Singular, aí você irá me conhecer.
Beijos
Lua Singular

Guaraciaba Perides disse...

Oi, Shirley...inspiradíssima poesia de uma meditação de fato , onde longe de toda realidade factual reside a verdadeira e mais brilhante imagem da Paz.
Feliz Páscoa no seu sentido mais Divino!
Um abraço

Celeste Giusti disse...

São as coisas simples e pequenas
que nos dão o nosso maior conforto....
Um dia feliz e cheio de boas vibrações Shirley!
Boa Páscoa...Beijão da Celeste

Laura Santos disse...

Através do silêncio que incita à contemplação, a mente fica povoada dos mais leves pensamentos; um campo de flores amarelas que traduzem paz, uma paz só possível para além dos enganos e desenganos do quotidiano.
Um belíssimo poema sobre uma necessária ascese em direcção à tranquilidade.
Páscoa feliz, Shirley!
xx

Pedro Luso disse...

Shirley,
Seu poema diz bem que uma viagem para o nosso interior, fazendo um balanço dos nossos sentimentos, uma reflexão, poderá ser medida de cautela, para o nosso convívio com tanta gente diferente de nós. Parabéns.
Abraços.

Algodão Tão Doce disse...

É Páscoa! Cristo está vivo, o túmulo está vazio, Ele ressuscitou!!! A mais bela festa dos Cristãos.
Crentes no Amor de Deus Pai que nos deu seu Filho Jesus Cristo que permanece conosco pela força do
Espírito Santos, seguimos nossa caminhada na construção de um mundo mais justo, fraterno, humano,
harmonioso e de doação.
Todos somos promotores da Paz!
Feliz, Santa e Abençoada Páscoa.
Um doce abraço, Marie.

Graça Pires disse...

Um poema de paz interior, muito belo.
Beijo.

O Árabe disse...

A paz e a beleza da poesia... que belo encontro! Obrigado, Shirley; boa semana!

Tais Luso disse...

o TÍTULO DO BELO POEMA ESTÁ CERTÍSSIMO, SHIRLEY! TEMOS MOMENTOS! QUE PENA... MAS QUEM SABE ESTENDEREMOS ESSES MOMENTOS BEM MAIS! É UM EXERCÍCIO.
BEIJO, AMIGA!

Élys disse...

Momentos de paz em uma terna viagem elevando o pensamento a sublimes paragens.
Um grande abraço,
Élys.

rosa-branca disse...

Também gostava de um momento de paz assim...lindas palavras que adorei. Beijos com carinho

Fábio Murilo disse...

Você alcançou o Nirvana. Beijos, Shirley.

Jorge Sader Filho disse...

Livrar das artimanhas da Vida, além de necessário, mostra sagacidade, querida Shiley.
Beijo

Salete disse...

É preciso uma certa luta para se conquistar a paz.

Belo, Shirley.

Beijos.

Mariangela do lago vieira disse...

Que beleza de postagem, Shirley.
Pela paz vale lutar, não podemos abrir mão de um certo sossego!
Um grande abraço, tudo de bom!
Mariangela

Vera Lúcia disse...


Que lindo, amiga!
O início já me deixou em pleno encantamento: "Uma ave desperta no colo da manhã desliza nas pétalas do silêncio e pousa no fio de minha contemplação."
São momentos assim, desta conseguida paz, que revigoram a alma.

A imagem já nos coloca em estado de paz e contemplação.

Beijão, queridoka.

Ghost e Bindi disse...

Boa noite querida amiga!
Que maravilhoso poema...colocando em palavras o sentimento que compartilho, da vontade de livrar-me das armadilhas da mente que emaranha e engessa nosso espírito a ponto de não vermos mais os pássaros acordando no colo das manhãs...a vida nos cobra muito, mas quem disse que deveríamos pagar? Abraçar a vida simples, limpar a mente das ideias e emoções supérfluas, calar as palavras onde não caiba a solidariedade e a autenticidade, eis um sonho de consumo que persigo com muito carinho.
Deixamos um abraço e um agradecimento pela gentileza de sempre!
Bíndi e Ghost

Marina Fligueira disse...

¡Hola Shirley!!!

Querida poeta, que maravilloso poema nos dejas, amiga.
Da gusto abrir la ventana una mañana cualquiera respirar el aire fresco, es como una bendición de los dioses. No me extraña que te sientas así, colmada de paz el alma, y llenar de ideas la mente y de vocablos tu pluma y elevando los mas exquisito pensamientos.

Me ha encantado, mi enhorabuena y felicitación.
Un abrazo y toda mi estima y gratitud.

Se muy muy feliz.

Lourdinha Vilela disse...

E eis a virtude dos poetas! Tirar flores dos espinhos. Lindo poema que traduz a busca interior pela paz e a harmonia. Grande poetisa. bjs.

Ane disse...

Hum...fiquei imaginando um momento assim tão pacífico...quem sabe meditando...ou só imaginando...silêncio e beleza de um mar de flores...é perfeito!E lindo!!Beijos Shirley!

.* . * . * . * . * . *
.* . * (\ ***/) * . *
.* . * ( \(_)/ ) * . *
.* . * (_ /|\ _) * . *
.* . * . /___\ * . *
*. * . * . * . . * . *

Emília Pinto disse...

Só fazendo silêncio dentro de nós mesmos podemos encontrar a paz e a serenidade necessárias para enfrentarmos a realidade do nosso conturbado mundo. Não é fácil, pois esse mesmo mundo nos chama a todo o momento, não nos deixando tempo para a reflexão. Mas será que o mundo tem esse poder? Não tem! Somos nós que nos deixamos levar por aquilo que a sociedade nos mostra, bens apelativos que queremos ter a qualquer custo; e nesse querer TER deixamos que o SER seja " engolido " pelo supérfluo. As aves voam sem que as vejamos, as flores nascem sem que nelas reparemos e de repente dámo-nos conta de que o inverno chegou e com ele a tristeza de não termos observado a beleza da primavera, o brilho forte do sol de verão, as folhas caidas no chão com a chegada do outono. Tudo nos passou ao lado nessa correria louca , Shirley! É preciso parar, meditar, observar, enfim...é preciso encher a nossa alma
de essência. Belo momento, amiga. Muita paz e saúde te desejo. Um beijinho
Emilia

Evandro L. Mezadri disse...

Bela e delicada poesia, Shirley!
Palavras que nos deixam em paz!
Grande abraço, sucesso e ótimo domingo!

Marina Fligueira disse...

Shirley, paso a dejarte un abrazo, mi inmensa gratitud y mi admiración siempre.

Ten un feliz domingo, amiga.

Rubia Kenes disse...

Parabéns amada linda postagem! amada eu te indiquei ao Prêmio Dardos! de uma passadinha no meu blog para ver! ai vai o link, beijinhosssssss
http://rubiaartes.blogspot.com.br/2016/04/oiiiiiiiiiiii-meus-amores-meus-quinto.html#

Zilani Célia disse...

OI SHIRLEY!
SÓ A IMAGEM JÁ NOS LEVA À CONTEMPLAÇÃO, LENDO TEU TEXTO ENTÃO, FAZEMOS UMA VIAGEM AO INTERIOR DE NÓS MESMOS.
LINDO AMIGA.
ABRÇS
http://zilanicelia.blogspot.com.br/

Mariazita disse...

Oi, Shirley
Desculpe a invasão... mas vi tantos comentários seus que me encantaram, que não resisti a vir espreitar. Em boa hora o fiz. Adorei seu espaço.
Este poema, além de ser muito bonito, é um convite à introspecção, tão necessária a uma vida sã de espírito.
Obrigada pela partilha.
Fiz-me sua seguidora para não lhe perder o rumo e voltar mais vezes.

Uma semana muito feliz.
Beijinhos
MARIAZITA / A CASA DA MARIQUINHAS

Sor.Cecilia Codina Masachs disse...

La contemplación de la naturaleza nos da mucha paz, vivimos tiempos convulsos y hay que mirar al cielo buscando la verdad que nos hace ser más humanos.
Feliz Pascua mi querida Shirley.
Sor. Cecilia

O Árabe disse...

Boa semana, amiga; aguardo o próximo post!

Jaime Portela disse...

Da paz interior também se podem fazer excelentes poemas como este.
Gostei imenso, parabéns por mais um talentoso poema.
Boa semana, querida amiga Shirley.
Beijo.

Jorge disse...

Beijinho Shirley e muito obrigado!

<3

:))

Pedro Luso disse...

Shirley,
Do seu poema, destaco estes versos, por chamarem a atenção para o poema no seu todo:

"Uma ave desperta no colo da manhã
desliza nas pétalas do silêncio
e pousa
no fio de minha contemplação".

Parabéns.
Abraços.

Vera Lúcia disse...


Olá amigaaa,

Estive aqui ontem e saí de fininho quando vi que você não havia atualizado-rs.

Obrigada pelo carinho da visita.

Belos dias.

Beijo.

As Mulheres 4estacoes disse...

É muito bom quando conseguimos momentos de paz interna.
Silenciar a mente dos barulhos a nossa volta e poder revigorar- se de boas energias.
Lindo poema.
Um abraço, Sônia

helia disse...

Que lindo Poema que eu acabo de ler ! Obrigada por partilhá-lo
Bom Fim de Semana.

Manuel disse...

Bellas palabras, querida amiga..... Como siempre.
Un beso.

Toninho disse...

Nada como estar neste momento uno de se entregar de alma
num velejar de mar calmo de águas tranquilas.Deixe que
a poesia faça morada nesta paz, neste silencio que vem
de dentro e faz sua morada.
Belíssimo trabalho da poesia Shirley.
A voce um belo fim de semana com harmonia.
Bjs de paz amiga.

Odete Ferreira disse...

Preparar a mente para a receção de um novo dia. Lindo!
Bjo, amiga :)