CLICK HERE FOR BLOGGER TEMPLATES AND MYSPACE LAYOUTS »

SINO DO VENTO

Nº DE ACESSOS DESDE 22/11/2010

contador de visitas

NEFERTITI

NEFERTITI

Amigos Caminhantes

POSTAGENS RECENTES

KYPHI PARA ILUMINAR OS SONHOS

KYPHI PARA ILUMINAR OS SONHOS
incenso egípcio

ASFALTO DAS HORAS RECEBEU O SELO DA VEJABLOG - OS MELHORES BLOGS DO BRASIL

ASFALTO DAS HORAS FAZ PARTE DOS MELHORES BLOGS CULTURAIS

http://meublogtemconteudo.blogspot.com/
Obrigada por visitar e comentar as postagens

CADASTRE-SE E RECEBA AS ATUALIZAÇÕES NO SEU E-MAIL

Seu e-mail:

Delivered by FeedBurner

31 de maio de 2014

MIGALHAS


Como fantoche preso aos cordéis do amor
deixo-me sucumbir
 nos braços do silêncio
e não consigo me opor
 à força bruta de tua indiferença.
Raramente
me envias doce mensagem
da cor do sol da manhã
palavras transitórias
que fazem o coração pulsar ao vento.
Iludida e automatizada
 recrio esperanças
no palco onde tantos sentimentos se atritam
e mais uma vez te espero quase num enlevo
sem chão e sem futuro
nas reticências de todo poema que escrevo...


Shirley Brunelli Crestana

24 de maio de 2014

DELÍCIA NO QUINTAL


A amoreira
altiva  serena
raízes fincadas no tempo
prenhe de doçuras vermelhas
balança os longos braços
acenando ao sol
que cochila no poente.
Descalça
a brisa pisa na terra úmida
e chega perto de um sapo luzidio
que olha fixamente o nada.
Agregada ao cenário da tarde
 permaneço imóvel por longos momentos
enquanto me enrosco toda
no cipoal dos pensamentos...


Shirley Brunelli Crestana

17 de maio de 2014

CAMINHOS ALTERNATIVOS


Procuro alguém que entoe mantras
que faça mapa astral
um arauto a anunciar
minhas fraquezas e fantasias.
Pode ser um amigo
que jogue búzios
ou leia tarô
um guru que me ajude a alcançar
o mais alto plano de sabedoria
para que eu descubra
 o que faz você neste dia.
Quero uma luz
uma semente
uma fagulha
uma sessão de reiki
para aliviar minha ansiedade
talvez um pêndulo radiestésico
que me desvie das energias negativas
e me conduza até a sua janela acesa.
Transtornada e impaciente
já cansada dessa agrura
só me resta botar fogo
nessa minha desventura...


Shirley Brunelli Crestana

10 de maio de 2014

SOU OUTRA


Não quero ser esquecida
exilada dos sonhos
expulsa do Eden.
Enquanto te espero
bebo da fonte sublime
e infinitamente sábia da  vida.
Se para o pensamento
 não existe espaço nem tempo
desenho no palco do infinito
 rabiscos de paz
 e enfeito-me de mil cores
com as fímbrias do luar.
Porque te amo
quero estar bonita
iluminada sim 
para resgatar meu coração 
 do contorno escuro e triste do nanquim...


Shirley Brunelli Crestana

3 de maio de 2014

HORAS E HORAS


Quisera ser mágica
para criar palavras
ser deusa
para conceber estrelas...
Preciso escrever um poema
insólito
sem dores
sem lamentações
pois que cada um
cuide de sua carcaça
e de sua solidão.
Um poema
que não seja intimista
que não desnude minha alma.
Um poema que ignore
 as horas pendentes na vidraça
 e a chatice do silêncio
que nada tem a dizer
só fica espia embaça...

Shirley Brunelli Crestana

( Não se esqueçam, se a página de comentários não abrir, minimizem o blog e ela aparece...)