CLICK HERE FOR BLOGGER TEMPLATES AND MYSPACE LAYOUTS »

SINO DO VENTO

Nº DE ACESSOS DESDE 22/11/2010

contador de visitas

NEFERTITI

NEFERTITI

Amigos Caminhantes

POSTAGENS RECENTES

KYPHI PARA ILUMINAR OS SONHOS

KYPHI PARA ILUMINAR OS SONHOS
incenso egípcio

ASFALTO DAS HORAS RECEBEU O SELO DA VEJABLOG - OS MELHORES BLOGS DO BRASIL

ASFALTO DAS HORAS FAZ PARTE DOS MELHORES BLOGS CULTURAIS

http://meublogtemconteudo.blogspot.com/
Obrigada por visitar e comentar as postagens

CADASTRE-SE E RECEBA AS ATUALIZAÇÕES NO SEU E-MAIL

Seu e-mail:

Delivered by FeedBurner

11 de março de 2014

AROMA DA MANHÃ


Meu espírito anseia pelo aroma dos deuses
pego bálsamo e incenso
e a chama do silêncio se acende em mim...
Sedenta de luz abro a janela
o cãozinho branco da vizinha
fere os tímpanos da manhã
e dois meninos na rua
flagrados pela minha comoção
procuram latinhas nos sacos de lixo ...
Quente claridade inunda a sala
ando nua pela casa
displicente e sozinha
mesmo ao pressentir que o sol
espia pela porta da cozinha...

 Shirley Brunelli Crestana

49 COMENTE AQUI:

✿ chica disse...

Poesia linda inspirada na luz matinal e que bom te ver de volta, tomara tenha resolvido p problema de verdade, não é? beijos, chica

eduardo maria nunes disse...

Pela porta da cozinha,
Entra o sol aquecido
Agradável companhia
Aquece o corpo despido!

Eu entrei aqui,
Para você amiga,visitar
O seu lindo poema li
Para você um beijo vou deixar.
Eduardo.

Arnaldo Leles disse...

Sol matinal é tudo de bom!
Escrever poesias também.

Ingrid disse...

Adoro o sol da manhã..
Ele também me brinda pela janela da cozinha.
Lindo sentimento nas tuas linhas querida.
Minha net foi restaurada hoje e agora espero pela do note,leia-se Dell..
Estamos atados à tecnologia..
Beijos!

Carla Ceres disse...

Adorei o contraste entre o lirismo e a realidade latindo lá fora, Shirley. Desejo melhoras à internet. Beijos!

Samuel Balbinot disse...

Bom dia Shirley.. os aromas da manhã são sempre um presente para quem pode os sentir numa caminhada ou na simples varanda.. bjs e um lindo dia

Dorli disse...

Oi Shiley,
Que poesia linda!
Fiquei, então, sem meu livro.
Que pena!
Beijos
Lua Singular

Laura Santos disse...

Um lindo poema do quotidiano com aroma de incenso e protecção dos deuses, e um sol com essa atrevida e doce mania de espreitar os corpos nus.
Muito belo, Shirley!
xx

Guaraciaba Perides disse...

Oi, Shirley...que belo amanhecer...há um momento bom de se viver, o ruído lá fora indicando vida e dentro do seu mundo, na paz que vem de dentro, estar consigo em pensamento a calma...muito bom!
Um abraço

Sor.Cecilia Codina Masachs disse...

Hola mi querida Shirley, un poema de la vida de cada día, donde hay cosas que perturban nuestro silencio y nos abandonamos bajo el abatimiento.
Pero cada día, está en nuestras manos hacerlo mejor.
Un abrazo
Sor.Cecilia

José Carlos Sant Anna disse...

Manhã que se alarga pelo teu verbo, pelo teu lirismo, deixando os meus olhos lavados de alegria.
Beijo, Shirley!

Fábio Murilo disse...

Lindo Shirley. Um show de imagens e criatividade. Poesia na melhor acepção da palavra.

Élys disse...

Um lindo momento de plena liberdade...
Beijos,
Élys.

Kellen Bittencourt ( Trilhamarupiara) disse...

ola querida amiga de vez em qdo ando de calcinha na casa e minha filha briga comigo kkkk bom estar por aqui amiga já estou na ativa novamente bjossss

Daniel Costa disse...

Belo poema, a parecer a observação do quotidiano. O realismo muito presente,
Abraço

Daniel Costa disse...

O MEU SÉTIMO LIVRO “SONHO EMOÇÃO E POESIA”.
O livro, como todos os livros escritos por mim, estão bem abalizados por vários leitores. São esses, a quem o livro se dirige que podem ter a palavra, já que o autor, ao fazer o elogio, pode sempre ser considerado suspeito.
Um livro, uma obra, é acima de tudo uma proposta feita aos possíveis leitores.
O autor, como académico, pertence à ALAF – ACADEMIA DE LETRAS E ARTES DE FORTALEZA, CEARÁ.
Para o Brasil, Chamo a atenção que Banco Postal, que há um em todas as capitais estatais (em cerca de 600 cidades), que faz o cambio e envio do custo, neste caso de 10.00 €uros, o seu custo
Peça, enviando morada para: dan.costa@zonmail.pt – Receba o livro, envie pagamento depois.

PARA APERITIVO LEIA ABAIXO, UM POEMA DO LIVRO:



PRIMAVERA DA VIDA

Façamos dos nossos dias uma alvorada
Estejamos sempre na Primavera da vida
Esta terá de ser sempre amada
Viver é como sentir o perfume da giesta
Que dela sejamos sempre enamorados
Para que andemos em contínua festa
Vivamos sempre o amor com ditos e piropos
Ainda que a desgraça que no mundo grassa
Seja de nos trazer loucos
Devemos dar exemplos de alegria
Para vergonha de muitos governantes taralhocos
Que se julgam fadados para a mestria
Porém acabam por comandar naves
Ocas, que mais ocas transformam a cada dia
Revelam desamor pelo mundo
Revelando muita cobardia
Apenas sabem conduzir um mundo muito seu
Onde só exista a sua mordomia
Procuremos sempre amar
Esmagar com optimismo tanta fantasia
Que por nós passa, como se fosse graça
De quem julga saber de alquimia
Como se vivesse noutro planeta
Onde não houvesse a luz do dia
Façamos da vida uma permanente Primavera
Aprendamos a ser modernos
Gritemos bem alto: estamos noutra Era!...
Tenhamos amores sempre modernos e eternos
Que a Primavera da vida seja pura alegria quisera
Um mundo vivificado
Não uma permanente quimera!

Daniel Costa

Daniel Costa disse...

O MEU SÉTIMO LIVRO “SONHO EMOÇÃO E POESIA”.
O livro, como todos os livros escritos por mim, estão bem abalizados por vários leitores. São esses, a quem o livro se dirige que podem ter a palavra, já que o autor, ao fazer o elogio, pode sempre ser considerado suspeito.
Um livro, uma obra, é acima de tudo uma proposta feita aos possíveis leitores.
O autor, como académico, pertence à ALAF – ACADEMIA DE LETRAS E ARTES DE FORTALEZA, CEARÁ.
Para o Brasil, Chamo a atenção que Banco Postal, que há um em todas as capitais estatais (em cerca de 600 cidades), que faz o cambio e envio do custo, neste caso de 10.00 €uros, o seu custo
Peça, enviando morada para: dan.costa@zonmail.pt – Receba o livro, envie pagamento depois.

PARA APERITIVO LEIA ABAIXO, UM POEMA DO LIVRO:



PRIMAVERA DA VIDA

Façamos dos nossos dias uma alvorada
Estejamos sempre na Primavera da vida
Esta terá de ser sempre amada
Viver é como sentir o perfume da giesta
Que dela sejamos sempre enamorados
Para que andemos em contínua festa
Vivamos sempre o amor com ditos e piropos
Ainda que a desgraça que no mundo grassa
Seja de nos trazer loucos
Devemos dar exemplos de alegria
Para vergonha de muitos governantes taralhocos
Que se julgam fadados para a mestria
Porém acabam por comandar naves
Ocas, que mais ocas transformam a cada dia
Revelam desamor pelo mundo
Revelando muita cobardia
Apenas sabem conduzir um mundo muito seu
Onde só exista a sua mordomia
Procuremos sempre amar
Esmagar com optimismo tanta fantasia
Que por nós passa, como se fosse graça
De quem julga saber de alquimia
Como se vivesse noutro planeta
Onde não houvesse a luz do dia
Façamos da vida uma permanente Primavera
Aprendamos a ser modernos
Gritemos bem alto: estamos noutra Era!...
Tenhamos amores sempre modernos e eternos
Que a Primavera da vida seja pura alegria quisera
Um mundo vivificado
Não uma permanente quimera!

Daniel Costa

Daniel Costa disse...

O MEU SÉTIMO LIVRO “SONHO EMOÇÃO E POESIA”.
O livro, como todos os livros escritos por mim, estão bem abalizados por vários leitores. São esses, a quem o livro se dirige que podem ter a palavra, já que o autor, ao fazer o elogio, pode sempre ser considerado suspeito.
Um livro, uma obra, é acima de tudo uma proposta feita aos possíveis leitores.
O autor, como académico, pertence à ALAF – ACADEMIA DE LETRAS E ARTES DE FORTALEZA, CEARÁ.
Para o Brasil, Chamo a atenção que Banco Postal, que há um em todas as capitais estatais (em cerca de 600 cidades), que faz o cambio e envio do custo, neste caso de 10.00 €uros, o seu custo
Peça, enviando morada para: dan.costa@zonmail.pt – Receba o livro, envie pagamento depois.

PARA APERITIVO LEIA ABAIXO, UM POEMA DO LIVRO:



PRIMAVERA DA VIDA

Façamos dos nossos dias uma alvorada
Estejamos sempre na Primavera da vida
Esta terá de ser sempre amada
Viver é como sentir o perfume da giesta
Que dela sejamos sempre enamorados
Para que andemos em contínua festa
Vivamos sempre o amor com ditos e piropos
Ainda que a desgraça que no mundo grassa
Seja de nos trazer loucos
Devemos dar exemplos de alegria
Para vergonha de muitos governantes taralhocos
Que se julgam fadados para a mestria
Porém acabam por comandar naves
Ocas, que mais ocas transformam a cada dia
Revelam desamor pelo mundo
Revelando muita cobardia
Apenas sabem conduzir um mundo muito seu
Onde só exista a sua mordomia
Procuremos sempre amar
Esmagar com optimismo tanta fantasia
Que por nós passa, como se fosse graça
De quem julga saber de alquimia
Como se vivesse noutro planeta
Onde não houvesse a luz do dia
Façamos da vida uma permanente Primavera
Aprendamos a ser modernos
Gritemos bem alto: estamos noutra Era!...
Tenhamos amores sempre modernos e eternos
Que a Primavera da vida seja pura alegria quisera
Um mundo vivificado
Não uma permanente quimera!

Daniel Costa

Marco Rocca disse...

Sentimentos madrigais, dentre versos existenciais... Belo poema, parabéns!

Lilá(s) disse...

Bela poesia que o sol da manhã proporcionou!
Bjs

Artes e escritas disse...

Gostei de conhecer o seu blog e o sigo desde já. Poesias fazem bem à alma. Um abraço, Yayá.

Vera Lúcia disse...


Bacana o poema, amiga,

Imagens poéticas e metáforas me deixam completamente perdida, mas sei apreciar o que é belo. A nudez da alma nunca será castigada-rsrs.

Beijão.

LUZ disse...

Oi, querida Shirley!

Obrigada por sua presença lá no blog, mais uma vez.

Como sempre, poemas pequenos, mas onde narra, prodigiosamente seus sentimentos, seu dia a dia.

Da janela da nossa casa, vemos o mundo: tristes realidades, e outras, graças a Deus, felizes.
Dentro do nosso cantinho, podemos estar e fazer o que entendermos, desde que não ofendamos terceiros.

Um dia bem feliz.

Beijos, com estima.

Ateliê Tribo de Judá disse...

Parabéns pelo blog, sucesso se conquista com talento.
beijos
Joelma

Dilmar Gomes disse...

Amiga Shirley, o aroma da manhã, entrando pela janela aberta em uma casa de campo é um presente dos deuses.
Um abraço. Tenhas uma linda tarde/noite.

ONG ALERTA disse...

Cada manha inspira...beijo Lisette.

ricardo alves / são paulo,brasil disse...

..e a chama do silêncio se acende em mim...
gosto disso!
poética lembrança do poder interior!

Emília Pinto disse...

Hoje vim só para te agradecer a visita ao Começar de Novo. Com certeza que voltarei sempre aqui, pois já sou sua seguidora. Um beijinho, amiga e parabéns por este
" Aroma da manhã" que chegou até aqui e foi uma delícia. Fica bem!
Emília

Anderson Lopes disse...

Que linda manhã descrita! Caminhas no tempo da delicadeza, Shirley!
Um abraço!

EvaBSanZ disse...

Maravilloso, un placer leerte querida amiga.

Un beso

Dorli disse...

Oi Shirley,
Passando para lhe desejar um bom dia.Obrigada pelo carinho.
Daqui a pouco tem conto arrepiante.kkk
Beijos
Lua Singular

Dorli disse...

Oi Shirley,
Está assim com todo mundo, quando não conseguimos comentar, às vezes, saem três comentários idênticos.
Uma linda tarde
Beijos
Lua Singular

Evanir disse...

Nessa minha visita gostaria
de dizer tantas coisas.
Dizer o porque dessa minha ausência
que tanto me faz sofrer.
Quisera poder falar tudo que vai na minha alma
e no meu coração.
O tempo é cruel e voa diante dos nossos olhos
marcando cada dia a mais absoluta saudade.
È por sentir saudades que estou aqui
para desejar um abençoado e feliz final de semana.
E dizer que você é muito importante para mim
sua amizade traz alegria para o meu coração.
Desejo um abençoado final de semana.
Beijos no coração.
Evanir.
Amiga gostaria muito de adquirir seu livro.
Hoje também quero falar da beleza
e elegância da mulher que você é uma simpatia que traz no seu rosto lindo e cativante..

Pedro Luis López Pérez (PL.LP) disse...

Maravilloso aroma de la mañana con esas Hermosas Letras que asemejan suaves gotas de rocío.
¡¡¡Gracias por estar siempre ahí!!!
Te admiro y estimo mucho.
Abraços e Beijos.

Ricardo- águialivre disse...

Poema fabuloso em que a mensagem nos deixa a pensar e...imaginar...

Bom fim de semana

Cumprimentos

tesco disse...

Amanhece, finalmente!
Minha fada nesse instante
Abrindo a janela, sente
O Sol, que nos aquentava

Naquela praia distante
Onde o nosso amor nascente
Reprimia, relutante,
O ardor que já despontava.

Beijos.

Cidália Ferreira disse...

Boa tarde
venho através do blogue do Ricardo visitar o seu espaço, gostei..

Achei o seu poema maravilhoso...

Gostava que me visitasse, se o entender..

Beijinho e bom fim de semana.

http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

teca disse...

Versos iluminados!
Beijos

heretico disse...

que o Sol te seja fagueiro - em tu pele nua...

beijo

Sissym Mascarenhas disse...



Eu adoro observar o amanhecer,
há algo nele magico, porque é o inicio de um novo dia, novo ciclo da vida.

Bjs

Cidinha disse...

Olá, Shirley. Que dizer? Belissimo!! Mágico! Amei. Bjos e obrigada por esse momento! Bom domingo e semana.

Zilani Célia disse...

OI SHIRLEY!
QUANDO FICAMOS SEM INTERNET, NOS SENTIMOS ASSIM, "NUAS"...
MAS, ACHO QUE ESTÁ SANADO TEU PROBLEMA, ASSIM ESPERO.
LINDOS VERSOS, UMA MANHÃ EM QUE APENAS SE ABRE A JANELA...
ABRÇS
http://zilanicelia.blogspot.com.br/

Dorli disse...

Oi Shirley
Agradecendo o carinho no blog e boa semana para você.
Beijos
Lua Singular

ღ Magda ღ disse...

Belo poema, querida Shirley!
Uma iluminada semana!
Beijos.

Maria Ferreira N. Vechi disse...


Olá Shirley
Como sempre um texto com lindas palavras.
Bjs,tenha uma ótima semana!

Claudio Chamun disse...

Feliz retorno!
Belo como sempre.
Bjs

Arione Torres disse...

Oi querida, que mensagem mais linda!
Tenha uma linda semana, beijos!!

Lourdinha Vilela disse...

Belo!O Sol que abrange e renova. A nudez vestida de lirismo e sensibilidade.
Lindo!Bjs
b

Araan disse...

Blíssimo poema
Bjs.