CLICK HERE FOR BLOGGER TEMPLATES AND MYSPACE LAYOUTS »

SINO DO VENTO

Nº DE ACESSOS DESDE 22/11/2010

contador de visitas

NEFERTITI

NEFERTITI

Amigos Caminhantes

POSTAGENS RECENTES

KYPHI PARA ILUMINAR OS SONHOS

KYPHI PARA ILUMINAR OS SONHOS
incenso egípcio

ASFALTO DAS HORAS RECEBEU O SELO DA VEJABLOG - OS MELHORES BLOGS DO BRASIL

ASFALTO DAS HORAS FAZ PARTE DOS MELHORES BLOGS CULTURAIS

http://meublogtemconteudo.blogspot.com/
Obrigada por visitar e comentar as postagens

CADASTRE-SE E RECEBA AS ATUALIZAÇÕES NO SEU E-MAIL

Seu e-mail:

Delivered by FeedBurner

16 de abril de 2013

INTRIGA DO VENTO



O vento regressa do outro lado da cidade
agitado dobra a esquina
e diz tolices que não desejo ouvir.
Chega com o peito estufado de horas inúteis
vasculha o meu espírito
arranha minhas feridas
e me deixa triste como noite sem lua...
Meu bem
o vento anda dizendo por aí afora
que o mesmo silêncio que te trouxe
vai um dia te levar embora...


Shirley Brunelli Crestana

38 COMENTE AQUI:

Rovênia disse...

Ah, que vento mais cheio de fantasmas. Vai nada. Quando se está no coração, quando é afagado e amado, não há vento que arranque! Lindo poema, querida Shirley!

✿ chica disse...

É!! O vento que traz, pode levar...

LINDO!

beijos,chica

Lis Fernandes disse...

Que lindo poema!
O vento inspira.
Parabéns!
Muito bom te ler.
Beijos, lindo dia pra você.
Lis

ValeriaC disse...

Lindo!
É triste, mas pode ser um fato... Ah... que o vento vez ou outra brinque conosco, que o que ele traz de triste, seja mentirinha e que ele traga sim muitas coisas boas.
Bom dia, beijinhos
Valéria

Mari Rehermann disse...

O vento às vezes nos incomoda!!

Lindo Dia, muita luz!!
Beijos!!♥

Carla Ceres disse...

Não dê ouvidos ao vento, Shirley. Ele só sabe ecoar o que (h)ouve, não prevê o que há de vir. Melhor olvidá-lo. :) Beijos!

manuela barroso disse...

Estes são os ventos que trazem inspiração em poesias maravilhosas como esta Shirley.
Lindo de mais!
Terno abraço

may lu disse...

As paixões são os ventos que enfunam as velas dos barcos, elas fazem-nos naufragar, por vezes, mas sem elas, eles não poderiam singrar.
-- Voltaire

Um abraço cheio de delicadezas!!

Vera Lúcia disse...


Shirley querida,

Fofocas do vento, só para contrariar-rsrs.

Linda expressão poética, amiga.
Adorei, como de costume.

Beijão.

Sor.Cecilia Codina Masachs disse...

Buenas tardes mi querida Chirley, un viento que nos pone tristes, no viene de fuera, lo llevamos dentro y con su impetuosidad, nos hace ver lo que poco más es una brisa, un viento y a veces hasta un huracán.
Bellas son sus letras.
Con ternura
Sor.Cecilia

Arnoldo Pimentel disse...

O vento tráz, o vento leva.

Anne Lieri disse...

Triste mas muito lindo seu poema!bjs e meu carinho,

Anne Lieri disse...

Sinto muito pelo Toquinho!Ele é muito fofo!bjs,

Maria Alice Cerqueira disse...

Querida amiga
Depois de muito silencio, eu vim me fazer presente, trazendo a certeza que me recordo de você com carinho e amizade.
Sinto muita saudade de não vir aqui mais vezes, mas fiquei presa no caminho, tentando resolver algumas coisas pendentes.
Pedras aparecem pelo caminho, e delas precisamos fazer renascer lindas flores, para que nossa vida se torne um lindo jardim.
Abraço amigo.
Maria Alice

Ingrid disse...

ventar vida..
seja brisa ou vendaval.
beijos querida Shirley..

Kellen Bittencourt disse...

Oii Shirley, lindo poema, o vento as vezes trás coisas indesejáveis mas leva tbém rs Bjooooosss

Anne Lieri disse...

Shirley,muito obrigada por sua visita tb!Vi seu Toquinho e tb fiquei triste.Bjs,

Magda disse...

Oi Shirley!
Vim agradecer e retribuir a sempre amável visita em meu blog.
Lindo poema!
Beijos...Magda

ONG ALERTA disse...

Sim tudo vem a vai...
Beijo Lisette.

Vera Lúcia disse...


Olá querida,

Obrigada pela encantadora visita.
Que sua noite seja bem agradável e sem intrigas de ventos mal amados-rs.

Beijo.

Ivone disse...

Que lindo esse espaço, amei o poema, nossa vida segue com o movimento do vento!
Abraços!

Marcia Morais disse...

São as lamurias do vento ,,,um lindo poetar querida bjo!

Mayara Cruz disse...

Olá!
Belo texto, porém triste.

beijos

Jota Sena disse...

Olá Shirley!

O vento brando, nos traz á paz de espirito; e o vento voraz nos leva a escuridão.

Shirley um bom final de semana para você.

Abraço.

Rita disse...

Boa tarde de sábado de Sol!!
♫♫♫ (¸.•❋

Vim deixar um abraço ,desejar um belo
final de semana, ver e gostar do seu
post.
Termino com uma frase que adoro.

Eu poderia suportar, embora não sem dor, que tivessem morrido todos os meus amores, mas enlouqueceria se morressem todos os meus amigos!

(Vinicius de Moraes)

Abraços com carinho
Rita!!!!
♫♫♫ (¸.•❋

AC disse...

Shirley,
O vento, conforme as traz, assim as leva...

Beijo :)

*Escritora de Artes* disse...

Lindo!

Obrigada pela visita

Abçs

Cristal de uma mulher disse...

Boa noite amiga.

Assim como chegamos voltamos...será que o ser humano tem outra forma de ver isto? Perdemos para ganhar?
A vida é assim!

Um grande abraço e que bom que você chegou!

Rachel Omena

Evanir disse...

Boa Noite amada poetisa.
Nunca imaginei ter 3 amigas em Piracicaba.
A muito tempo conheço seu blog
adoro vir aqui ,
pois você parece com minha irmã creio já ter dito isso a você.
A minha irmã não é poeta nem tem blog.
Na verdade ela nunca mexeu com computador mora no interior de SP .
Amiga fiquei feliz em estar aqui nessa noite estou muito afastada
tenho lutado muito com minha saúde.
Espero em Deus recuperar todo tempo que deixei de visitar minha amizades mas antigas.
Fico triste por ausentar ,
mais na vida nem sempre temos tudo que queremos.
Nos últimos tempos só luto pelo que eu mais preciso.
Minha saúde.
Um abraço ,e uma abençoada semana,Evanir.

Secreta disse...

Por vezes temos de lutar contra o vento e sermos mais fortes!
Beijito.

Vinicius disse...

Oi.Parabéns pelas belas palavras.
O vento é como o tempo,rápido e passageiro.
Tenhas um ótimo começo de semana.
Parabéns pelo belíssimo blog.
Abraço.

Vera Lúcia disse...


Olá querida Shirley,

Obrigada pelo carinho da visita.

Lindo início de semana, recheado de alegrias e inspirações.

Beijo.

Antônio Lídio Gomes disse...

Minha amiga, que não seja assim...
Que este silêncio ao terminar, deixe o amor continuar sua sina de felicidades.
Um abraço, grato pela visita.

Dete disse...

Oi Shirley,
Linda poesia, como sempre. Andei viajando e sem tempo para visitar os blogs amigos. Estou feliz por estar de volta e poder ler novamente tantas poesias maravilhosas. Abraços.

Parole disse...

As vezes n~ao conseguimos ver, mas sentimos...

Seu poema ´e lindo.


Beijinhos, Shirley.





Cidinha disse...

Bom dia, amiga. Perfeito Shirley! O vento pode também trazer alegria, basta sentir. Belissima inspiração! òtimos dias.

© Piedade Araújo Sol disse...

é mesmo
o vento leva e diz e depois desdiz
uma boa semana.
um beijo

Cleia disse...

Leve, bonito! Beijos!