CLICK HERE FOR BLOGGER TEMPLATES AND MYSPACE LAYOUTS »

SINO DO VENTO

Nº DE ACESSOS DESDE 22/11/2010

contador de visitas

NEFERTITI

NEFERTITI

Amigos Caminhantes

POSTAGENS RECENTES

KYPHI PARA ILUMINAR OS SONHOS

KYPHI PARA ILUMINAR OS SONHOS
incenso egípcio

ASFALTO DAS HORAS RECEBEU O SELO DA VEJABLOG - OS MELHORES BLOGS DO BRASIL

ASFALTO DAS HORAS FAZ PARTE DOS MELHORES BLOGS CULTURAIS

http://meublogtemconteudo.blogspot.com/
Obrigada por visitar e comentar as postagens

CADASTRE-SE E RECEBA AS ATUALIZAÇÕES NO SEU E-MAIL

Seu e-mail:

Delivered by FeedBurner

14 de março de 2013

COERÊNCIA



Os poetas já não sabem o que dizem
estão cheios de intenções e de mentiras
só o universo é coerente.
Estou perplexa
quero terminar esse poema
porém
cinzas da incompetência
 encobrem-me os meandros da  mente
a aridez das idéias instala-se no meu espírito
procuro inspiração nos espaços vazios dos átomos
apelo aos santos e à lua
e nenhum verso extraordinário acontece.
Desisto
já tentei de tudo
os astros são testemunhas...
Acho que vou entrar
depilar as pernas
 e lixar as unhas...


Shirley Brunelli Crestana

34 COMENTE AQUI:

✿ chica disse...

Maravilha!!És tri inspirada! Parabéns pelo dia da poesia! beijos,chica

Julio Aragão disse...

Amei os dois últimos poemas! Muito realistas! Essas atividades (que as vezes parecem tão triviais) sempre vêm para interromper nossos pensamentos grandiosos... Agora preciso ir fazer a barba. Um beijo!

Vera Lúcia disse...


Shirley querida,

Claro que tive que rir.
Este forma pilhérica de poetar é divertida demais.

Adorei novamente.

Beijo.

edumanes disse...

Coerência,
Escrevem com imaginação
Poetas paciência
Verdades, mentiras não!

A pensar a actriz
Suas pernas depilar
Porque estava feliz
Suas unhas a pintar!

Boa quinta-feira,
para você, amiga Shirley,
um beijo. Eduardo.

Sr. Will disse...

"O poeta é um fingidor", como dizia Pessoa, não é mesmo Shirley.

Adorável poema, com um fecho que faz cócegas na alma.

Um abraço, querida!

Élys disse...

Antes de lixar as unhas, escrevestes um linda poesia.
Parabéns pelo dia do Poeta!
Beijos.

TEMAS LIVRES disse...

Gostei muito. Há momentos em que a linguagem universal silencia mesmo e a inspiração não vem. Na sua poesia falou, então,a mulher na sua linguagem cotidiana sem compromissos. Como ver novela...

Clara Lúcia disse...

Parabéns pelo seu dia, poeta!

Beijos

Malu Silva disse...

O melhor é mesmo manter o charme como fazia Snoop e Charlie Brown...
Na dúvida, mantenha o charme, este era o lema. Eu também acho que vou depilar as pernas e fazer as unhas...
Você é ímpar,minha querida!!!
Beijinhos

Carla Ceres disse...

Tá, Shirley, pode depilar as pernas desde que não seja com cera quente. Poetisas não merecem tortura por terminar um poema de forma inusitada porém brilhante. Beijos!

Pedro Luis López Pérez (PL.LP) disse...

Una maravillosa Poesía llena de certezas y pesadumbres.
Cuando la inspiración es reacia es mejor, como tu dices, depilar las piernas o limar las uñas.
Precioso Post.
Abraços e beijos.

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga

As palavras
que semeiam o pensar
são preciosas.
Delas nascem sentimentos
que nos tiram do lugar comum
e nos fazem sentir
o perfume
precioso da vida.

Olha o céu de manhã.
Vês como brilha iluminado
por teus sonhos...


Carlos Rímolo disse...

Querida amiga e poetisa Sirley !!!

Muito me honrou a sua visita ao meu Blog. Obrigado pelo carinho para comigo e meus Trabalhos. Passando mais uma vez por aqui para deixar meu abraço e carinho, bem como deleitar-me com seus belíssimos textos poéticos.
Beijos de luz!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

POETA CIGANO – 16/03/2013

http://carlosrimolo.blogspot.com
“Poesias do Poeta Cigano”

Lola disse...

Ai, ai, ai!
Do grito por não ter inspiração,
vem a melhor delas.
Amei!

Patrícia Pinna disse...

Bom dia, Shirley. O poeta visa buscar a inspiração em qualquer coisa que olhe, sinta ou perceba.
Mesmo sem os versos extraordinários, sem o teu desejo satisfeito, a tua inspiração foi perfeita.
Com certeza você não precisa lixar as unhas...
Beijos na alma e excelente fim de semana!

Nina Paim disse...

Olá Shirley! Vim conhecer e retribuir a visita. Adoro poesias...Deus te abra a mente e faça fluir os teus versos e prosa! Beijinhos carinhosos...

Magda disse...

Olá Shirley!
Vim agradecer e retribuir a gentil visita em meu blog!
Sinto muito pela perda de seu anjinho de 4 patas. Sei muito bem o que é isso, pois já perdi três. A dor é imensa e a saudades é pra sempre...
Lindo poema!
Beijos...Magda

ONG ALERTA disse...

Relaxar...bom fim de semana beijo Lisette.

Rui - Olhar d'Ouro disse...

Interessante, para meditar!
Bom domingo!

Vera Lúcia disse...


Olá querida,

Vi no blog da Magda que você perdeu seu amiguinho do coração (o cachorrinho) e vim trazer-lhe um afago e um abraço carinhoso e apertadinho. É a lei da vida, mas que dói, dói.
Fique bem.

Beijão.

Maria Rodrigues disse...

Quanta inspiração.
Bom domingo
beijinhos
Maria

Anne Lieri disse...

Shirley,apesar de achar que não tem inspiração eu sempre leio ótimas e inteligentes poesias por aqui!Gostei dessa sua coerencia!bjs,

Tunin disse...

Se isto não é inspiração, o que será inspiração, então?! Beleza de poema vinda de uma mente privilegiada pela inteligência.
Abração.

Marco Rocca disse...

Despretensioso, mas um excelente poema... Aplausos!

manuela barroso disse...

Nem sempre a luz é a dos astros Shirley.
E esta espécie de vazio é tão cheio de poesia!
Grande beijinho

The time: me and the time / By: Leandro Ruiz disse...

Shirley, o poeta deixa um pouco de si em cada linha, os sentimentos através das palavras...

Abraços!

Leandro Ruiz

www.thetimemeandthetime.blogspot.com

Antônio Lídio Gomes disse...

Poxa Shirley, mas até sem inspiração você é inspirada!
Genial!
Os poetas estão vivos e dando seu ar da graça, graças a Deus.
Um fraterno abraço.
Beijos.

Nilson Barcelli disse...

Mas tu sabes o que dizes.
Porque este poema é brilhante. Gostei muito.
Shirley, minha querida amiga, tem uma boa semana.
Beijo.

Milene Lima disse...

As minhas unhas sempre ficam tortas quando eu mesma as lixo.

As minhas poesias, mais tortas ainda. Melhor apreciar as que são inventadas por mentes cuja falta de inspiração se apresenta tão lindamente.

Abraços!

SOL da Esteva disse...

Shirley, Querida

O que parece anti-poesia, torna-se Obra.
Gostei.


Beijos


SOL

Mayara Cruz disse...

Um ótimo poema. Os poetas tiram a inspiração de tudo e assim criam uma bela arte.

Cadinho RoCo disse...

Imagino você depilando as pernas e lixando as unhas em pleno estado de poesia. Isso também é poetar.
Cadinho RoCo

Maria Rodrigues disse...

Shirley hoje é Dia o Mundial da Poesia. Porque Ser POETA é transmitir nas palavras toda a magia que vai no coração e tocar assim a alma de quem lê, o meu muito obrigado pelos momentos tão Especiais que nos oferece. Que o seu Dia seja pleno de Felicidade e Harmonia.
Beijinhos
Maria

Arnaldo Leles disse...

Shirley, adorei sua poesia, estes
finais imprevisíveis...
Você é ótima!!!!!!
abraços de Arnaldo Leles.