CLICK HERE FOR BLOGGER TEMPLATES AND MYSPACE LAYOUTS »

SINO DO VENTO

Nº DE ACESSOS DESDE 22/11/2010

contador de visitas

NEFERTITI

NEFERTITI

Amigos Caminhantes

POSTAGENS RECENTES

KYPHI PARA ILUMINAR OS SONHOS

KYPHI PARA ILUMINAR OS SONHOS
incenso egípcio

ASFALTO DAS HORAS RECEBEU O SELO DA VEJABLOG - OS MELHORES BLOGS DO BRASIL

ASFALTO DAS HORAS FAZ PARTE DOS MELHORES BLOGS CULTURAIS

http://meublogtemconteudo.blogspot.com/
Obrigada por visitar e comentar as postagens

CADASTRE-SE E RECEBA AS ATUALIZAÇÕES NO SEU E-MAIL

Seu e-mail:

Delivered by FeedBurner

27 de setembro de 2011

EVOLUÇÃO


O ser humano
artífice do seu destino
é semente lançada
fatalmente germinada.
Olhar perdido
no horizonte distante
luta e sangra
no regaço do tempo
ao buscar sua glória.
Homem
um dia terás que responder
pelos teus atos...
Então
o que fazes de tua vida
como escreves tua história?...

Shirley Brunelli Crestana

20 de setembro de 2011

MUDANÇA DE PLANO


 Não me proíbas
de seguir o meu destino
e não tentes confundir
minhas decisões.
Num ato definitivo
podemos matar em nós
os fantasmas que profetizam
dias estéreis de esperança.
Amarga estou
porém
eu te digo
minha intuição
ultrapassa os teus argumentos
e o nosso tempo
realmente
se esgotou.

Shirley Brunelli Crestana

12 de setembro de 2011

DEVANEIOS


Vento viril
sopra sudoeste
levando o silêncio diáfano
desse meu olhar.
Nos registros do tempo
fica guardada
a beleza estrutural dessa tarde.
Longe de voce
solitária e sofrida
invento uma história
tentando entender
o doce mistério da vida...

Shirley Brunelli Crestana

7 de setembro de 2011

INSÔNIA


Nesse instante molhado
deslizo mansamente
para não te acordar.
Cai chuva poema
diagonal e distraída
brilhando nos olhos
arrepiando muros
compondo canções.
Em busca de porto seguro
pensamentos incoerentes
fogem pelas frestas
e flutuam lá fora
como borboletas de papel.
Sem solução
mil passos pisam
absurdos e leves
para não te acordar...

Shirley Brunelli Crestana

1 de setembro de 2011

OUÇA



Só quero que você me entenda
não lhe peço escolhas
nada deve mudar
não quero o seu amor.
A vida
é cheia de paradoxos
nem sei porquê.
Agora
armo-me de coragem
e lhe confesso uma coisa:
Apesar de tudo
estou com ciúmes de você!


Shirley Brunelli Crestana